Joaquim dos Santos

From ChoralWiki
Revision as of 01:49, 6 March 2017 by CHGiffen (talk | contribs) (Text replace - " {{WikipediaLink" to " {{WikipediaLink")
(diff) ← Older revision | Latest revision (diff) | Newer revision → (diff)
Jump to: navigation, search

Life

Born: 13 April 1936

Died: 24 June 2008

Fez os Cursos de Humanidades, Filosofia e Teologia e ao mesmo tempo começou a estudar música com o padre e compositor Manuel Faria (1916-1983), entre outros. Ordenado sacerdote, nesse mesmo ano de 1962 estou no Conservatório de Música Calouste Gulbenkian de Braga com o compositor Luís Filipe Pires (1934). Em 1963 vai estudar para o Pontifício Instituto de Música Sacra em Roma onde terminou os estudos em Composição, Canto Gregoriano e Órgão. Aqui, teve como professores Ferrucio Vignanelli (1903-1988), Armando Renzi (1915-1985), Domenico Bartolucci (1917-2013), entre outros. Também estudou no Conservatório de Santa Cecília onde cursou Direcção e Interpretação Polifónica. Durante o período de estudos em Itália, foi apoiado por bolsas do Instituto Italiano da Cultura e, mais tarde, pela Fundação Calouste Gulbenkian. Foi organista na paróquia Bambino Gesù e leccionou no Colégio San Pietro em Roma. Regressado a Portugal em 1968, fundou coros e grupos instrumentais na Arquidiocese de Braga e na Diocese de Vila Real. Fez parte do grupo de fundadores da Nova Revista de Música Sacra e foi membro do conselho de redactores, da mesma revista, até à data da sua morte. Foi professor de Canto Gregoriano, Órgão, Piano e Polifonia no Seminário Conciliar de Braga e de Composição, História, Piano e Órgão no Instituto Superior de Teologia de Braga (Universidade Católica). Também leccionou na Escola Básica de Cabeceiras de Basto, onde desenvolveu uma parte importante da sua obra didáctica para a infância, e na Escola Superior de Educação de Fafe. Nas décadas de 70 e 80 realizou uma recolha de canções populares na Região de Basto que conta com cerca de cinquenta números. Em 1999, o seu valor é reconhecido pela sociedade civil da sua região ao ser agraciado com a medalha de Mérito Concelhio - grau ouro - do Município de Cabeceiras de Basto. A viragem do século marca o encontro do compositor com o Instituto Português de Santo António em Roma. No ano 2000 vê a sua obra Lamentationes Jeremiae Prophetae ser apresentada na Igreja de Santo António pelo Coro IPSAR e a Orquestra Nova Amadeus sob direcção do maestro Massimo Scapin. Deste concerto fez-se o registo áudio que posteriormente foi transmitido pela Rádio Vaticano. As estreias de obras, de variadíssimos géneros, multiplicaram-se no IPSAR e em 2006 é homenageado, pelo mesmo Instituto, com o projecto discográfico Cantabo Domino in Vita Mea - gravações dos seus concerto editadas e publicadas em CD. Em Portugal teve sempre a colaboração de vários músicos que contribuíram para tornar vasto o seu catálogo de obras. Tem obras para violino e piano; clarinete e piano; dois clarinetes; violino, clarinete e piano; marimba e órgão; marimba e piano; barítono, violino e órgão; violoncelo e piano; soprano e piano; bandolim, bandocelo e piano; saxofone barítono e órgão; voz recitante, soprano, violino, saxofone soprano e alto, clarinete e piano; barítono e órgão; flauta e harpa; orquestra de sopros com ou sem instrumento solista; orquestra sinfónica; concertos para piano e orquestra; violino e orquestra; dois pianos e orquestra; violoncelo e orquestra; flauta e orquestra; obras corais sinfónicas; inúmeras obras corais para vozes mistas, vozes iguais, acompanhadas de instrumentos ou a cappella; obras para coro de crianças com as mais distintas formações; um sem número de peças direccionadas para a Liturgia com os mais diversificados acompanhamentos instrumentais. As suas obras foram dedicadas a vários músicos como Vítor Matos e Domingos Castro (clarinete), Adriana Ferreira (flauta), Giampaolo Di Rosa (orgão, cravo, piano), Ana Telles, João Paulo Teixeira, Ângelo Martingo, Nina Schumann e Luís Magalhães (piano), Emanuel Salvador e Yakov Marr (violino), bem como a muitos outros intérpretes e amigos. Ao nível institucional, devem-se várias primeiras audições ao Instituto Português de Santo António em Roma bem como à Academia Valentim Moreira de Sá, à Universidade do Minho e Universidade Católica (Braga). Nas palavras do Professor João Duque, em obras coesas, perfeitamente unitárias e completas, consegue um estilo que acolhe, sem preconceitos nem discriminações, os contributos de diversas fases da história da música. Desde o gregoriano aos nossos dias, sem a falsidade da mera citação, mas também sem estéreis subjugações a escolas ou estilos rígidos. Tem obras publicadas na Nova Revista de Música Sacra (Braga), na Revista Música Nova (Braga), na Revista da Academia Martiniana (Coimbra), nas edições do Serviço Nacional de Liturgia (Portugal) bem como no Cantemos Todos e Novo Cantemos Todos. Actualmente, as suas obras são editadas pela AvA Musical Editions, Lisboa.

View the Portuguese Wikipedia article on Joaquim dos Santos. (English translation by Google)

List of choral works

There are no scores available at this time. Please click here to add a new edition, or here for help.


Click here to search for this composer on CPDL

Publications

External links

add web links here